fbpx

Google começa a limitar relatório de termos de pesquisa

Péssima notícia para quem trabalha com otimização de campanhas de pesquisa no Google Ads. O relatório de Termos de pesquisa, um dos mais importantes para otimizar campanhas, começará a ter suas informações limitadas.

Alegando questões de privacidade, o Google começou em Setembro a limitar o relatório de Termos de Pesquisa. Este relatório é utilizado para visualizar que palavras os usuários realmente digitaram na busca e ativaram anúncios.

Para alguns clientes, já notei que 70 a 80% dos termos de consulta já não aparecem mais no relatório.

Ele é muito importante, pois mostra o desempenho da campanha e principalmente, que termos podem estar ativando anúncios, mas que são ruins para a marca, sendo uma ótima fonte de descoberta de termos negativos.

Em entrevista dada ao site Search Engine Land, um representante do Google explicou: “In order to maintain our standards of privacy and strengthen our protections around user data, we have made changes to our Search Terms Report to only include terms that a significant number of users searched for. We’re continuing to invest in new and efficient ways to share insights that enable advertisers to make critical business decisions.”.

Ou seja, por questão de privacidade, o relatório de Termos de Pesquisa só irá mostrar termos mais buscados. Limitando muito a análise, acredito eu, de anunciantes menores, que têm palavras-chave com pouco volume.

Ainda segundo o Google, a empresa segue trabalhando em formas de gerar insights para que os gestores de Google Ads possam fazer decisões críticas, como negativar tráfego irrelevante.

O que fazer agora?

Se você tem uma conta antiga, agora, mais do que nunca é hora de revisar o relatório de termos de pesquisa histórico e “calibrar” sua conta negativando tudo o que pode estar gerando tráfego irrelevante.

Evitar o uso de palavras-chave amplas, que historicamente trazem muito lixo, usando outras formas de correspondência, como correspondência ampla modificada, de frase e exata.

Usar o Google Trends para tentar descobrir termos relacionados a memes, músicas, famosos, que podem aumentar o seu volume de busca de forma irrelevante.

Usar o Planejador de Palavras-chave para tentar visualizar os termos relacionados as suas palavras-chave e construir, a partir disso, uma lista poderosa de palavras-chave negativas.

Exercitar ainda mais o planejamento de palavras-chave negativos, uma vez que a partir de agora não haverá mais a efetividade do relatório de Termos de Pesquisa.

Quer aprender isso e muito mais?

Curso de Google Ads já está liberado. São mais de 50 aulas, grupo no Telegram, Lives exclusivas e ainda aulas atualizadas mensalmente.

🔥 Que tal receber dicas gratuitas sobre Google Ads e Analytics toda semana no seu e-mail? Inscreva-se.

Posted in Google AdsTags:
Write a comment